domingo, 22 de dezembro de 2013

'Zumba Fitness World Party' é o quarto jogo da franquia de malhação.
'Garota Nacional' ganhou passos de funk; Claudia Leitte é destaque.


'Zumba Fitness World Party' tem fase ambientada no Rio de Janeiro; o jogo usa passos de samba, capoeira e funk para fazer o jogador se mexer (Foto: Divulgação/Zoe Mode)
Malhar sem perceber e acompanhado de ritmos do mundo inteiro. É o que propõe o jogo "Zumba Fitness World Party", quarto título para videogames baseado no método de treinamento Zumba, conhecido por misturar dança com malhação e que já vendeu mais de 9 milhões de cópias. A franquia, que também vende DVDs das aulas em lojas especializadas, parece que optou migrar para os games para proporcionar ao público uma experiência mais próxima do que são as aulas que ensinam o programa nas academias convencionais.
Se o jogador busca adicionar a dança em sua rotina de malhação, não ficará decepcionado. Porém, o jogo é engessado na seleção de músicas e pode não agradar aqueles que procuram dançar os últimos lançamentos do cenário pop.
G1 testou a versão do jogo para Xbox 360 com Kinect, mas "Zumba Fitness World Party" também está disponível para Xbox One, Wii e Wii U.
Na própria introdução do game, o jogador já é apresentado aos diferentes treinadores que irão acompanhá-lo nesta jornada pelo mundo através da dança. O Brasil, na versão testada, é o primeiro a ser introduzido. Depois, outras regiões do planeta são mostradas com os seus diferentes estilos de dança, como Caribe, Europa, Índia, Havaí e Los Angeles.
Reprodução da fase ambientada em Los Angeles; em certas coreografias, seguir o treinador pode se tornar tarefa difícil (Foto: Divulgação/Zoe Mode)Reprodução da fase ambientada em Los Angeles;
em certas coreografias, seguir o treinador pode se
tornar tarefa difícil (Foto: Divulgação/Zoe Mode)
A navegação é simples e intuitiva. Só basta o jogador levantar a mão aberta na frente do Kinect e mantê-la por alguns segundos em cima da opção desejada para abri-la. O jogo também permite controlar o menu por voz, mas os comandos são em inglês, o que pode atrapalhar o jogador que não tem a pronúncia perfeita na língua estrangeira.
Para dançar as músicas, nenhuma surpresa: o jogador deve seguir como um espelho o treinador à sua frente. Só que aí vem a parte difícil: muitas das coreografias são bem elaboradas e podem trazer dificuldade para quem gosta, mas não tem tanta aptidão assim para a dança. O indicador que mostra o próximo passo da rotina também não ajuda. Ele é discreto e fica posicionado no canto direito da tela, fora da visão do jogador, que está focado em seguir os passos do instrutor.
Uma maneira de ajudar o usuário é a opção "Learn The Steps", no menu "My Zumba", onde ele poderá aprender com calma todos os passos que são mostrados no jogo. Na versão testada para Xbox 360, até duas pessoas são aceitas em uma mesma rotina de dança.
O placar é marcado por estrelas que vão de 1 a 5. A classificação dos passos vão de "nice" (bom), onde qualquer passo é bem-vindo e o jogador pode até arriscar um "freestyle" (estilo livre), passando por "hot" (quente), que mostra se a dança do usuário está quase igual a do treinador, até a marcação "Zumba", que indica que todos os passos estão perfeitos. Quanto mais "Zumbas" forem coletadas, mais pontos o jogador ganha, e elas ainda se revertem em bônus, como novas músicas, cartões postais e vídeos exclusivos.
Jogador também aprende a dançar a 'hula' no Havaí com uma das treinadoras (Foto: Divulgação/Zoe Mode)Jogador também aprende a dançar a 'hula'; no
Havaí com uma das treinadoras (Foto: Divulgação
/Zoe Mode)
Viagem ao redor do mundo
O jogo vem com três modos: "World Tour", "Full Class" e "Quick Play", dando ao jogador diferentes experiências de malhação.
No modo "World Tour", o usuário escolhe um país ou região do planeta para se focar nos seus ritmos e estilos de dança. A rotina é montada de acordo com o grau de dificuldade. A primeira música sempre será de aquecimento e a última de "cool down", para acalmar os ânimos e o coração do jogador. Ao fundo, uma paisagem bem caricatural do local escolhido é mostrada. Isso não ajuda em nada a tirar a sensação de que o instrutor foi gravado em fundo verde e que a imagem foi aplicada depois.
O Brasil ganhou nessa versão do jogo uma sessão exclusiva, na qual é possível bailar somente em ritmos bem característicos de nosso país, como o axé de Claudia Leitte na música "Ruas Encantadas" e a bossa nova "Mas que Nada", de Sérgio Mendes, já usada em outros jogos de dança. Os treinadores abusam do samba, do requebrado e até da capoeira para fazerem o jogador suar.
Só que a grande surpresa do jogo está na rotina de dança de "Garota Nacional", da banda mineira de rock Skank. A música ganhou coreografia puxada para o funk carioca, digna da cantora Anitta, com rebolados e jogadas de cabelo, algo que os criadores do jogo nomeiam de "girly funk" (funk de garotas). No final da seleção de músicas, é marcado o tempo de jogo e quantas calorias foram gastas.
Se você quer viajar por diversas culturas em uma única rotina, o modo ideal é o "Full Class", que mistura músicas de todo o jogo. É possível escolher aulas que vão de 20 minutos a 1 hora. O jogador também pode montar a sua playlist customizada e dançar o tempo que quiser.
Agora se a opção é dançar rapidinho alguma canção, o melhor modo é o "Quick Play", onde a lista inteira de músicas é disponibilizada para o jogador e ele pode escolher a que desejar.
Alcance as suas metas
Já que esse é um jogo que mistura dança com fitness, ter metas é fundamental. Por isso, o Zumba oferece para o jogador, em seu menu "My Zumba", um local para que o jogador veja o seu desempenho, suas conquistas e o quanto gastou de calorias em um dia através do "Progress Tracker" e programar quais são seus próximos desafios e pontos onde quer chegar com o jogo.
E jogadores do mundo inteiro podem se conectar através do modo online "Zumba World", se tiverem uma conta Gold na Live do Xbox 360.
Apesar de uma playlist fraca, com poucos sucessos mundiais, o "Zumba Fitness World Tour" diverte e faz o jogador suar. É um ótimo começo e incentivo para aqueles que sempre colocam a perda de peso como principal resolução de Ano Novo.
'Zumba Fitness World Party' (Foto: Divulgação/Zoe Mode)'Zumba Fitness World Party' (Foto: Divulgação
/Zoe Mode)
"Zumba Fitness World Party"
Plataformas: Xbox 360 (versão testada), Xbox One, Wii e Wii U;
Produção: Majesco Entertainment
Desenvolvimento: Zoe Mode
Jogadores: 1 a 2 jogadores (X360, Xbox One) e 1 a 4 (Wii e Wii U)
Gênero: dança e fitness
Preço sugerido: R$ 159,90
Prós: ritmos do mundo todo, danças divertidas, modo para que o jogador coloque as metas a serem alcançadas, opção que ensina os passos usados no jogo
Contras: playlist fraca, imagens ao fundo muito falsas, indicador confuso de novos passos durante as coreografias